setembro 27, 2021

Realidade virtual em Angola – especialistas apontam benefícios

By setembro 14, 2021
Realidade virtual em Angola – especialistas apontam benefícios Imagem: D.R

Os desafios e oportunidades da realidade virtual, foi o tema que levou ao debate, no programa radiofónico, Conversas 4.0, da LAC (Luanda Antena Comercial) especialistas como Aniceto D’Carvalho - fundador do Estúdio 360 e CEO da Startup ONDE e Honório Lenda, Arquitecto e Co-fundador da Holen Stúdio - empresa que desenvolve soluções em realidade aumentada.

O programa Conversas 4.0 tem levado vários especialistas na matéria, em debate sobre questões que implicam na 4ª revolução industrial face à realidade social. O tema em questão, desta Terça-feira, fez uma imersão do ambiente da realidade virtual, podendo aclarar sua aplicabilidade e importância para o desenvolvimento social do país.

Em debate, Honório Lenda admitiu que “o comportamento do mercado angolano ainda está um pouco tímido com relação à realidade virtual (RV) por causa da pouca informação por parte da comunidade em geral. Mas sublinhou que “ já temos tido algumas soluções de simulação, que algumas empresas têm solicitado.

Em termos turísticos e para projectos urbanísticos e arquitectónicos, disseram os especialistas, “a ideia é pegar esses ambientes físicos e transformar em ambientes digitais, permitindo com que as pessoas consigam fazer visitas virtuais a qualquer lugar, ter interacção, em termos de medição.

Honório Lenda disse que a realidade virtual pode ser aplicada em vários sectores e permite que, através de simulações, se faça previsão de acidentes, salvando vidas e tirando pessoas do perigo. “Uma empresa podia usar a realidade virtual para questões ligadas à preparação de obra. A partir da realidade virtual nós podemos ter noção real das coisas”, disse.

Aniceto D’carvalho ainda admite que, Angola está bem no início do processo de virtualização. “Aqui em Angola é uma tecnologia ainda bem iniciante, então muita gente ainda não percebeu a importância que tem a RV e aqui fala-se mais sobre a realidade virtual do que a realidade aumentada.

Avançou ainda que, “em outras realidades (países) já têm experimentado a VR para a medicina e para outras ciências que para nós teriam um grande impacto, sobre tudo para treinamento militar, cultura, educação, indústria e arte.
A estimativa, segundo fez saber o moderador do evento, Edilson Almeida, é que, até 2022, 50% das empresas europeias irão contar com estratégias de realidade virtual e realidade aumentada, o que seria estratégico para as empresas que pretendem fazer o diferencial.

O programa Conversas 4.0 tem emissão, todas as Terças-feiras, pelas 10horas, na Rádio LAC e reúne convidados que, em torno de um tema tecnológico, apresentam suas opiniões.

 

 

Já assistiu aos nossos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal clicando aqui !!!

Fernanda Gonga

Comunicológa| Escritora| Radialista| Gestora de Comunicação e Marketing no Portal de T.I

© 2021 Portal de T.I Todos Direitos Reservados | Telefone: +244930747817 | E-mail: info@portaldeti.com