setembro 19, 2020

Por uma postura digital equilibrada

By agosto 13, 2020 0
Por uma postura digital equilibrada Imagem: D.R

Por: Tânia J. A. Costa | Consultora de carreira e negócios

 

A comunicação representa um pilar para as sociedades, as suas estruturas, os seus próprios e a maneira como eles se interelacionam. A revolução das tecnologias de informação nos anos 70 mudou completamente o paradigma da forma de estarmos conectados. Logo após descrição dos anos 80 foi criada a internet que toma uma abordagem e gestão infinita de informações, redução drástica das distâncias geográficas e, consequentemente, criar-se novos hábitos e aumentar a tendência da sociedade a utilizar como redes sociais tanto como forma de exposição como de comunicação.

Não surpreende, pois, que desde 2010 seja comemorado anualmente o dia 30 de Junho como o dia das redes digitais, segundo o site americano Mashable: celebrar o dia das redes sociais é uma forma de reconhecer a revolução digital que transformou a média num ambiente e espaço social. O dia é comemorado com uma organização de encontros informais de pessoas de todo o mundo por meios tecnológicos ou presencialmente.

As redes digitais têm um impacto significativo para as carreiras profissionais das pessoas, elas capacitam-se uma ferramenta imprescindível para alcançar aquela promoção necessária, encontrar aquele emprego de sonho, sempre e quando tivermos uma postura correta. Nesse sentido, as empresas estão cada vez mais comprometidas em escolher profissionais que prezem por um equilíbrio comportamental digital. O excesso da exposição pessoal informal, uma disseminação de preconceitos, como fotografias comprometedoras que reflictam hábitos etílico, trazem uma imagem negativa e podem contribuir para ocultar e ou barrar oportunidades.

Nos dias de hoje, muitas empresas a nível mundial usam como redes sociais para fazer, recrutamento, marketing nas redes digitais e já é comum em Angola notarmos algumas empresas de renome e “status” no mercado com essas mesmas tendências. Tal é o caso de empresas como o Grupo Zahara (detentora das lojas Kero), Angola LNG, AMO ANGOLA, O Grupo TOP BRANDS ANGOLA.

Paralelamente, muitos usam as redes sociais para divulgação de suas ideias e ideologias com um mod de se promoverem, estimularem a adesão de inúmeros seguidores e divulgar os seus feitos. Um bom exemplo é, de certeza, o Presidente João Manuel Gonçalves Lourenço que tem uma página oficial na rede social denominada Twitter (João Lourenço @ jlprdeangola): Vossa Excelência usa uma página para abordar sobre questões do país ou, também, congratular-se pelos efeitos de muitos cidadãos destacados, na nossa sociedade.

“Felicito as autoridades do município do Andulo, pelas soluções inovadoras no quadro das medidas de redução do risco de contaminação pelo COVID 19. Vosso exemplo de busca permanente por soluções locais deve ser seguido e replicado pelo resto do país” foi um dos twitters de João Lourenço @jlprdeangola, no passado dia 17 de Junho.

Entretanto, existem no mundo recursos redes digitais, sendo as mais famosas no Facebook, Instagram, linkedin, Twitter e o Whatsaap. Porém, um bom exemplo de autopromoção e postura profissional digital no linkedin, uma rede social criada em 2002 no intuito de permitir partilha de informações profissionais no mercado de trabalho, networking, obtenção de um curriculum vitae virtual, dar e receber feedbacks, gerar parcerias , crescer, desenvolver, buscar conhecimento e novas ideias. Esta plataforma permite que o nível de conversa abordado seja o mais profissional possível e nela os profissionais criam um ego de reconhecimento, de desenvolvimento e não de aparências como outras redes sociais.

Em vista disso, um perfil adequado em uma rede digital pode contribuir no alcance dos seus objetivos pessoais e profissionais. É, pois, sermos fundamentais responsáveis ​​com o conteúdo textual e visual, uma forma como destino as redes sociais procurando o terceiro filtro de Sócrates “utilidade”. Ou seja, como bem aquele pensador: “se não tiver necessidade necessária, não é necessário”.

Tenha uma postura digital equilibrada, porque ela pode abrir portas, oportunidades e reconhecimento.

Joaquim Cassicato

Técnico de telecomunicações & Redactor.

Leave a comment

Deixe o seu comentário. Os campos com * são obrigatórios.

© 2020 Portal de T.I Todos Direitos Reservados